IPCA, varejo, IPO e PEC Emergencial estão na agenda da semana

Victória Anhesini
Jornalista formada pela Universidade Presbiteriana Mackenzie
1

A segunda semana de março está com uma agenda econômica movimentada, como IPCA, balanços de empresas, uma oferta pública inicial de ações (IPO) e a votação da PEC Emergencial agitando Brasília.

Entre os indicadores, destaque para o IPCA de fevereiro, que será divulgado na quinta-feira (11) – com dados que vão ajudar na decisão da semana seguinte do Comitê de Política Monetária (Copom).

A expectativa é de que na reunião de março do Copom na próxima semana seja retomado o processo de alta dos juros. Veja reportagem sobre as tendências da Selic e como ela afeta os investimentos.

Abra agora sua conta na EQI Investimentos e tenha acesso a opções de investimentos de acordo com seu perfil. Invista em suas Escolhas

Sobre o IPCA, a mediana do mercado aponta para uma aceleração da inflação tanto no mês quanto no acumulado anual.

Enquanto isso, a agenda econômica começa a semana com o tradicional Boletim Focus, trazendo novas expectativas macroeconômicas nesta segunda-feira, como para o IPCA, Selic e PIB.

Ainda nos agenda econômica desta semana destaque para as vendas do varejo, que saem na sexta-feira (12), com dados relativos a janeiro, com a mediana das projeções prevendo alta de 1% no ano e de 0,4% no comparativo mensal.

No corporativo, os investidores monitoram essa semana a sequência da safra de balanços.

Entre as empresas, estão previstas as divulgações de balanços do quarto trimestre de companhias como Magazine Luiza (MGLU3), BR Distribuidora (BRDT3), Vulcabras (VULC3), Raia Drogasil (RADL3) e BR Malls (BRML3).

Já a política, a Câmara dos Deputados marcou votação nesta semana a votação da PEC Emergencial.

De acordo com o presidente da Câmara, Arthur Lira, a apreciação ocorrerá diretamente no plenário, sem transitar por comissões.

Assim, nessa semana, a tendência da agenda é pela aprovação da admissibilidade do texto na terça-feira (9) e, no dia seguinte, a votação em plenário em dois turnos.

Com a PEC aprovada, será possível o pagamento de novas parcelas do auxílio emergencial à população ainda em março.

Assim, a política vai agitar o mercado nessa semana, junto com a agenda econômica cheia.

Veja mais indicadores da agenda econômica esta semana

IGP-DI

Ainda na agenda econômica nesta semana, o Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna (IGP-DI) de fevereiro, medido pela Fundação Getulio Vargas (FGV), será divulgado na próxima segunda-feira (8). A medição anterior apontou crescimento de 2,91% na inflação em em janeiro deste ano. A taxa foi superior às apuradas em dezembro de 2020 (0,76%) e em janeiro daquele ano (0,09%). Até então, o resultado do IGP-DI acumula inflação de 26,55% em 12 meses.

Caged

Na terça-feira (9), saíriam os resultados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), que foram prorrogados para 16 de março. Em 2020, hoube abertura de 142.690 vagas de emprego com carteira assinada, conforme dados divulgados. A geração líquida de empregos é resultado de 15.166.221 contratações e de 15.023.531 demissões ao longo do último ano.

IPOs

Depois de um fevereiro bem movimentado, com várias estreias na B3 (B3SA3), a fila das ofertas públicas iniciais de ações (IPOs, na sigla em inglês) em março contará apenas com uma abertura de capital, que acontece nesta semana.

A Agrogalaxy (AGXY3) será a única empresa a estrear neste mês. Os papéis da companhia começarão a ser negociados em Bolsa a partir da próxima sexta-feira (12).

Confira a lista completa: 40 empresas na fila para abertura de capital.

Veja a agenda econômica completa

Segunda-feira (8)

  • FGV: IGP-DI (fev), às 8h
  • BC: Boletim Focus (semanal), às 8h25
  • MDIC: Balança comercial (semanal), às 15h

Terça-feira (9)

  • Zona do Euro: PIB (4º tri.), às 7h
  • FIPE: IPC (semanal), às 8h
  • IBGE: Pesquisa Mensal de Serviços (jan), às 9h
  • Caged: Geração de emprego formal (jan), às 15h

Quarta-feira (10)

  • CNI: Índice de Confiança do Empresário Industrial – ICEI
  • FGV: IGP-M (1ª prévia) (mar), às 8h
  • IBGE: Pesquisa Industrial Mensal – Regional (jan), às 9h
  • IBGE: Pnad Contínua trimestral (4° tri), às 9h
  • BCB: Fluxo Cambial (semanal), às 14h

Quinta-feira (11)

  • IBGE: IPCA (fev), às 9h
  • IBGE: Levantamento Sistemático da Produção Agrícola, às 9h
  • Conab: 6º Levantamento da safra de grãos 2019/2020, às 9h
  • EUA: Pedidos de auxílio desemprego, às 10h30

Sexta-feira (12)

  • Zona do Euro: Produção industrial, às 7h
  • IBGE: Pesquisa Mensal de Comércio, às 9h