Adevinta fecha compra do eBay por US$ 9,2 bilhões

Paulo Amaral
Jornalismo é meu sobrenome: 20 anos de estrada, com passagens por grandes veículos da mídia nacional: Portal R7, UOL Carros, HuffPost Brasil, Gazeta Esportiva.com, Agora São Paulo, PSN.com e Editora Escala, entre outros.
1

Crédito: Divulgação

A Adevinta, empresa norueguesa que controla o OLX, fechou a compra de um dos sites de venda online mais antigos da internet: O eBay.

Dúvidas sobre como investir? Consulte nosso Simulador de Investimentos

Segundo o Estadão Conteúdo, o martelo foi batido por US$ 9,2 bilhões e a expectativa, agora, é pelo surgimento da maior empresa de classificados do mundo.

Análises e Resumos do mercado financeiro com leituras de 5 minutos. Conheça a EQI HOJE

Venda do eBay impulsiona ações da Adevinta

O fechamento do negócio e o anúncio da aquisição por parte da Adevinta impulsionou os papéis da companhia na Bolsa de Valores de Oslo.

Os benefícios de se ter um assessor de investimentos

As ações subiram 32% nesta terça-feira, tão logo a transação foi confirmada pelos executivos das empresas.

O eBay receberá US$ 2,5 bilhões em dinheiro e 540 milhões de ações da Adevinta (44% do total), além de 33,3% dos votos da companhia em 2020.

O restante será pago em 2021, segundo as informações divulgadas nesta terça.

“Essa venda cria valor a curto e a longo prazo para acionistas e clientes, enquanto nos permite participar do potencial futuro dos negócios dos classificados”, comemorou o CEO do eBay, Jamie Iannone.

Outras ofertas

De acordo com o Wall Street Journal, a oferta da Adevinta não foi a primeira que o eBay recebeu.

A publicação informou que, em janeiro de 2020, antes da pandemia de coronavírus, a Exchange, proprietária da Bolsa de Nova York, abriu negociações pela companhia, mas não chegou a um acordo.

Na ocasião das conversas, as ações do eBay disparavam mais de 7% perto do final do pregão, enquanto os papéis da ICE mostravam baixa de 5%.

Planilha de ações: baixe e faça sua análise para investir