Ibovespa acelera alta e chega aos 115 mil pontos

Cláudia Zucare Boscoli
Jornalista formada pela Cásper Líbero, com pós-graduação em Jornalismo Econômico pela PUC-SP, especialização em Marketing Digital pela FGV e extensão em Jornalismo Social pela Universidade de Navarra (Espanha), com passagens por IstoÉ Online, Diário de S. Paulo, O Estado de S. Paulo e Editora Abril.
1

Crédito: reprodução/pixabay

Os mercados globais seguem sem direção única na tarde desta sexta-feira (5), depois do payroll acima das projeções nos Estados Unidos e das falas do presidente do Federal Reserve (Fed), Jerome Powell ontem (4). No Brasil, a busca por ações descontadas também movimenta o mercado.

O Ibovespa já começou o dia em alta e, pela tarde, ultrapassou os 115 mil pontos. Por volta das 16 horas, a alta era de 2,18%.

As ações ordinárias da Vale (VALE3) subiam 5,37% e as ordinárias da Petrobrás (PETR3), 1,74%. A petrolífera é buscada em um dia de mais altas do petróleo, que se valorizou mais de 2% após a Opep decidir não elevar a produção, apesar da alta da commodity.

Abra agora sua conta na EQI Investimentos e tenha acesso a opções de investimentos de acordo com seu perfil. Invista em suas Escolhas

A produção industrial brasileira cresceu 0,4% em janeiro ante fevereiro. Na comparação com o mesmo mês do ano passado, a alta é de 2%. Mas, em 12 meses, a queda é de 4,3%.

Repercute também no país a aprovação em segundo turno da Proposta de Emenda  reunião da à Constituição (PEC) Emergencial, com limite de R$ 44 bilhões, além do teto, para pagamento do auxílio-emergencial.

Com recorde de mortes sendo batido a cada dia, o Ministério da Saúde projeta duas duras semanas de pandemia pela frente.

Depois de anunciar tratativas com Pfizer e Johnson & Johnson para a compra de imunizantes, a pasta afirma que agora está em conversa com a Moderna, para aquisição de 13 milhões de doses, segundo a Reuters.

Destaques no exterior

O payroll, folha de pagamentos não-agrícolas oficial dos Estados Unidos, surpreendeu e apontou a criação de 379 mil postos de trabalho em fevereiro. A projeção era de criação de 182 mil vagas em fevereiro e 166 mil de janeiro (corrigido dos 49 mil).

A taxa de desemprego caiu a 6,2%, ante leitura anterior de 6,3%.

Com o resultado de alta no mercado de trabalho, os juros futuros tendem a seguir em alta nos EUA.  A preocupação do mercado é de subida da inflação em um cenário de retomada econômica e do mercado de trabalho, com vacinação avançando e novo pacote de auxílio a caminho. Com isto, o rendimento dos papéis do tesouro sobe e pode provocar uma migração para eles, em detrimento das ações.

Apesar de o presidente do Federal Reserve (Fed), Jerome Powel, ter dito ontem (4) que não haverá alta na taxa de juros dos Estados Unidos “até que as condições macroeconômicas estejam satisfeitas”, isso não foi suficiente para os investidores, que vem acompanhando de perto a alta dos juros longos.

“Não aumentaremos juro apenas porque o emprego aumentou”, garantiu Powell.

Em outra frente, a Opep+ decidiu manter os cortes de produção de petróleo, o que faz o preço do barril seguir em alta.

Veja as cotações às 11h58:

Mercados Nova York

  • S&P: 1,36%
  • Nasdaq: 1,11%
  • Dow Jones: 1,35%

Mercados Euro

  • DAX, Alemanha: -0,26%
  • FTSE, Reino Unido: +0,62%
  • CAC, França: -0,20%
  • FTSE MIB, Itália: +0,44%
  • Stoxx 600: -0,08%

Mercados Ásia

  • Nikkei, Japão: -0,23%
  • Xangai, China: -0,04%
  • HSI, Hong Kong: -0,47%
  • ASX 200, Australia: -0,74%
  • Kospi, Coreia: -0,57%

Petróleo

  • Brent (abril 2021): US$ 69,01 (+3,40%)
  • WTI (março 2021): US$ 65,88 (+3,21%)

Ouro

  • Ouro futuro (abril 2021): US$ 1.691,80 (-0,50%)

Minério de ferro

  • Bolsa de Dalian: US$ 173,97 (-3,26%)