5 fatos globais para iniciar o dia

Carlos Henrique de S. e Silva
Carlos Henrique é especialista de investimentos certificado pelo CEA® e PQO®. Em sua trajetória esteve em grande instituições como o Banco Volkswagen, XP Investimentos e Banco Itaú. Hoje atuo como redator de conteúdo na EuQueroInvestir! e como assessor de investimentos.
1

Crédito: Foto criada por ijeab - br.freepik.com

5 fatos globais para iniciar o seu dia: mini-acordo de Trump não eleva as expectativas, temporada de dividendos e Brexit pendurado.

Segurando as pontas

O aperto de mãos entre a Casa Branca e Pequim na sexta (11/10) trouxe um alívio aos mercados globais.

O “mini-acordo” foi feito para acelerar a compra de produtos agrícolas chineses ao Estados Unidos a fim de segurar o aumento de cobranças de novas tarifas.

Entretanto, a visão de analistas da Bloomberg dizem que o acordo não será suficiente para uma retomada do crescimento global.

Temporada de ganhos

Estamos entrando na temporada de dividendos dos grandes bancos mundiais. Desse modo, observaremos como serão divididos os lucros em um cenário de desaparecimento do crescimento dos lucros.

Mantendo os custos em linha: JPMorgan Chase & Co, Goldman Sachs, Wells Fargo e Citigroup distribuirão seus dividendos.

Detalhes, detalhes…

O negociador-líder da União Europeia para assuntos de Brexit, Michel Barnier, disse que a proposta do Reino Unido está “pobre” em detalhes.

Em tempo, os dois lados, a favor e contra o Brexit iniciam uma corrida contra o tempo para apresentar a proposta na quinta-feira na reunião da UE.

Mixed Markets

Japão está fechado para o feriado, se recuperado de um dos mais fortes furacões a atingir o país em décadas.

Desse modo, o rápido otimismo do mercado europeu tende a evaporar com as pressões sobre o Brexit nos próximos dias.

O peso nos ativos europeus tende a ser grande. O Stoxx 600 cai 1,2% na manhã de hoje.

A semana tende a ser movimentada entre acordos de Brexit, China e a recuperação no Japão.

De volta ao jogo

Após uma semana do ataque a sua fábrica, a Saudi Aramco voltou a sua produção normal.

Tão pouco, o preço do barril de petróleo se aproxima de US$ 70,00.

A recuperação da companhia é importante para regularizar os preços de petróleo mundial, assim como para se preparar para o IPO essa semana.

Se considera um investidor conservador? Então você está em risco de extinção!

O cenário econômico virou do avesso e o país já não é mais o mesmo.

As taxas de juros caíram à níveis jamais vistos no Brasil desde o final do governo Militar (imagem abaixo) e levaram os rendimentos de Renda Fixa para próximo de Zero (ou negativos no caso da poupança).

Italian Trulli

A nova equipe econômica está incentivando novos investimentos no país, e com isso já não é mais possível ganhar dinheiro confortavelmente na poupança e em CDBs comuns. Por isso, estamos declarando a Extinção do Investidor Conservador.

Se você faz parte dessa espécie de investidor que está em risco de extinção, confirme seus dados no formulário abaixo e fale com nossa equipe. Vamos te ajudar, sem dor e sem custo.